• Redação GRAPE ESG

'Amazônia 4.0' vence prêmio de Melhor Documentário do Europe Film Festival UK, no Reino Unido



festival é uma competição mensal e o documentário foi o vencedor da sessão março e abril. O lançamento do Amazônia 4.0 foi realizado mundialmente em 22 de abril, data em que se comemora o Dia da Terra.


Por Rhayana Araújo


O recém-lançado Amazônia 4.0 venceu como Melhor Documentário na categoria Jury Special Award – Prêmio Especial do Júri, do Europe Film Festival UK (EFFUK), no Reino Unido, sessão março e abril de 2021. O filme, idealizado pela Plataforma Grape ESG, aborda as principais ameaças que a Floresta Amazônica sofre e os caminhos de sustentabilidade que são necessários percorrer para solucionar os problemas da maior floresta tropical do mundo. O documentário foi qualificado para participar da cerimônia principal do Festival, realizada uma vez por ano.

O documentário foi lançado mundialmente, no formato online, na data em que se comemora o Dia da Terra, em 22 de abril, e também coincidiu com a “Cúpula dos Líderes sobre o Clima”, convocada pelo Presidente dos EUA, Joe Biden, que reuniu as principais lideranças de todo o mundo. A escolha da data da divulgação do filme foi proposital, para que discussões oportunas, positivas e com visão de futuro fossem inspiradas.

Clique aqui para assistir ao documentário legendado.

Clique aqui para assistir sem legenda.

O Europe Film Festival UK é uma competição mensal respeitável e um festival anual de cinema online sediado em Londres, elegível para o IMDb. O festival reúne cineastas de Londres, Amsterdã, Istambul, Munique e Zurique, que analisam curtas e longas-metragens. Todos os vencedores do prêmio recebem o Laurel do Europe Film Festival UK e um certificado especial.

Em 2021, há quatro categorias principais, que são, respectivamente: Vencedores dos Prêmios Principais, Prêmios do Júri, Prêmios Especiais do Júri e Prêmios do Júri Diamante. A seleção é feita mensalmente e os vencedores de cada mês podem participar da cerimônia principal, que é realizada uma vez por ano.

Sobre o documentário:

O Amazônia 4.0 conta 25 minutos de duração e tem o objetivo de aumentar a conscientização sobre as principais questões em torno da sustentabilidade da Amazônia e da economia circular. A produção executiva do filme é de Ricardo Assumpção, CEO da Grape ESG, e de Ione Anderson, COO da Grape ESG.

O filme é baseado no Projeto Amazônia 4.0 - idealizado por Carlos Nobre, pesquisador sênior do Instituto de Estudos Avançados da Universidade de São Paulo (USP). O projeto visa agregar as potencialidades econômicas da sociobiodiversidade amazônica às novas tecnologias e possibilidades que emergem da Quarta Revolução Industrial (este conceito resulta da junção das tecnologias digitais, biotecnologias e ciências dos materiais, fazendo uma ampla utilização dessas tecnologias modernas para beneficiamento social, econômico e ambiental da Amazônia e suas populações).

O filme traz informações contidas no artigo publicado por Carlos Nobre, pesquisador sênior do Instituto de Estudos Avançados da Universidade de São Paulo (USP) e Bruno Carvalho, especialista em Urbanização no The New York Times.

Além de apresentar as ameaças que a floresta sofre, o filme apresenta também os caminhos sustentáveis a serem percorridos para solucioná-las, com o objetivo de desencadear oportunidades econômicas novas e inclusivas para a proteção de ecossistemas e comunidades em toda a bacia amazônica, beneficiando os guardiões da floresta, os povos indígenas e habitantes tradicionais como os ribeirinhos, assim como as populações urbanas.

66 visualizações0 comentário