• Redação GRAPE ESG

LIDE entrega manifesto com ações propositivas na COP-26


Ricardo Assumpção, CEO da GrapeESG e curador da plataforma LIDE ESG, foi responsável pela entrega do documento na Blue Zone, conhecida como zona de negociação.


Na segunda-feira 1º de novembro, o LIDE - Grupo de Líderes Empresariais entregou um manifesto na 26ª Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas (COP26), em Glasgow, na Escócia. O documento apresenta o potencial, a ambição e o protagonismo do setor produtivo brasileiro na agenda ESG (Environmental, social and corporate governance), e contextualiza ações organizadas com o apoio do grupo.


O manifesto “COP26 - Setor Privado Brasileiro na Agenda Climática Mundial: Contribuição para as metas da COP26 e NDC’s Brasileiras” é assinado por Luiz Fernando Furlan, chairman do LIDE, e Roberto Klabin, presidente do LIDE Sustentabilidade. O curador da plataforma LIDE ESG, Ricardo Assumpção, CEO da GrapeESG, foi responsável pela entrega do documento na Blue Zone, conhecida como zona de negociação.


O integrante do secretariado do quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima (UNFCCC), Alexandre Gellert Paris, recebeu em mãos manifesto do LIDE. "Em nome da convenção quatro das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas, e do seu secretariado, eu recebo essa declaração. É uma honra. Eu vejo um grande potencial aqui para que possamos atingir o Acordo de Paris", afirmou o representante da ONU.


Em 2021, o LIDE determinou prioritária a pauta dos desafios climáticos e práticas ESG na agenda de conteúdo e debates, com objetivo de engajar o setor privado a aderir a práticas sustentáveis e trabalhar com metas estabelecidas nas NDCs brasileiras (Contribuições Nacionalmente Determinadas). Por meio da Plataforma LIDE ESG, o grupo reuniu lideranças para efetivar a troca de conhecimento e compartilhar boas práticas.


Fonte: LIDE Global

4 visualizações0 comentário